O objetivo da educação é a virtude e o desejo de converter-se num bom cidadão.
(Platão)

terça-feira, 24 de novembro de 2009

DESENVOLVIMENTO DE HABILIDADES PSICOMOTORAS COM JOGOS E BRINCADEIRAS

JOGOS E BRINCADEIRAS

 Aponte o que ouviu:
objetivos: agilidade, coordenação geral, coordenação viso-motora.
O orientador organiza a turma em círculo. convida um voluntário para dar início ao jogo que deverá apontar uma parte de seu corpo, afirmando ser outra para seu colega do círculo. Por exemplo “Esta é meu umbigo!”, apontando para o nariz. O jogador por ele escolhido deverá pôr as mãos sobre a parte do corpo cujo nome ouviu. neste caso, coloca as mãos sobre o umbigo e diz, “Este é meu cabelo!”, o próximo colega a sua direita continuará o jogo. A vitória se dará quando alguém errar. Se ninguém errar o educador declara a turma toda vencedora.

 Bola ao Alto:
objetivos: agilidade, atenção, prontidão, coordenação viso-motora.
material: uma bola de borracha ou bola de pano com bexiga dentro.
Educandos em círculo, numerados seguidamente.
O educador, no centro do círculo, atirará a bola ao alto, chamando um dos números, “cinco”, por exemplo, o educando assim indicado deverá pegar a bola antes que ela toque o solo, caso consiga ou não, inicia-se de novo a brincadeira.

 Espelho Invertido:
objetivos: agilidade, coordenação geral e viso-motora.
materiais: duas cadeiras e dois bonés.
O orientador convida dois voluntários para se apresentarem e coloca-os sentados em duas cadeiras, frente a frente. Cada um deles coloca um boné na cabeça. Escolhem entre si quem primeiro será a imagem e quem será o executor dos movimentos. Deverão, todavia, considerar que o espelho está invertido, isto é, quando um sentar o outro deverá se levantar, quando um colocar o boné na cabeça, o outro tirará o seu. Será desclassificado o jogador que errar. É declarado vencedor aquele que por mais tempo ficar no jogo.

 Alerta:
objetivos: agilidade, coordenação viso-motora, ritmo, pontaria.
material: uma bola.
Todos ficam perto do jogador que está com a bola. A criança que está com a bola joga-a para o alto e deve dizer o nome de um amiguinho que tem que pegar a bola rapidamente enquanto as outras crianças saem correndo. Quando a criança que foi chamada pegar a bola, fala bem alto, “Alerta!”. E todos param de correr e ficam imóveis. A criança que está com a bola pode então dar três passos e tentar acertar o colega mais próximo, Caso acerte, essa criança será próxima a jogar a bola, mas fica com um ponto negativo, quem tiver 3 pontos negativos perde. Caso erre, ela mesma deverá jogar a bola e dizer o nome de outra criança, mas ficará com um ponto negativo.

 Amarelinha:
objetivos: coordenação, agilidade, equilíbrio.
material: giz.
De acordo com o esquema ao lado, as crianças começam onde está escrito “céu”. Joga-se uma pedrinha no número um e, sem pisar nesta casa, vai saltando apoiando num pé só em cada casa.

 Aumenta-Aumenta:
objetivos: agilidade, coordenação motora, força de membros inferiores.
material: uma corda ou dois paus.
Duas crianças seguram uma corda, cada criança deve saltar a corda cuja altura vai sendo aumentada até ela não puder ser pulada. Uma variação é a de saltar “pau”, dois paus são colocados no chão, paralelamente, e vão sendo distanciados a medida que conseguem ser pulados por todos , quem não conseguir sai do jogo.

 Bola ao Guarda:
objetivos: agilidade, destreza, coordenação viso-motora, noção espaço-temporal.
material: uma bola de borracha, um bambolê.
Educandos formam um círculo, um deles fica no centro com a bola, dentro do bambolê. Dado o sinal de início, esse jogador arremessa a bola para algum colega e foge para fora do círculo. o jogador que receber a bola tem que deixá-la no centro do bambolê e perseguir o guarda que tentará voltar e tocar a bola sem ser pego. Caso consiga continua como guarda, se não, troca de lugar com o colega.

 Barbante Maluco:
objetivos: imitação, expressão, criatividade, coordenação.
material: um pedaço de barbante para cada criança.
As crianças exploram o barbante à vontade e, em seguida, convida-se uma criança para mostrar seu movimento, e todas as outras a imitam com o corpo e com o barbante.
Pode-se variar, incluindo trabalhos em duplas, formar figuras geométricas, etc.

Nenhum comentário:

Postar um comentário